abril 2010


Pois é , este aqui não é uma Barbie mas é da Mattel galera!!!

Anúncios

GENTE OLHA O QUE TEM LÁ:

A BONECA MAIS MARAVILHOSA DO PLANETA!!!!!

Estes são os três modelos que achei mais bacanas da série limitada da All Star em parceria com o grande Ed Hardy.

Ed é uma estrela da Tatoo que conserva estilo tradicional/histórico editado com suas marcas e registros visuais. Nos tênis alguns materiais se misturam mas a ilustração Mr Hardy fica bem visível. Série limitada entenderam ?

Tatty Devine é o lugar para quem busca as bijuterias inusitadas mas usáveis. Muito do que é lançado nas lojas de Londres viram tendência e se transforma em febre mundo a fora. Na Tatty a gente encontra colares de coroa, laços e os mais malucos com esqueletos de dinossauros, batatas chips e outros bem pop com gliter, espelhos e etc…  para quem vai a Londres a parada é obrigatória!

O colar de Pandora com carinha de Louise Brooks foi febre e esgotou!!!

O “Dino” aí a mostra é um sonho de consumo … vive sumindo dos estoques. Juro que fica ótimo no pescoço.

Já as batatas chips e as pipocas fazem sucesso e se transformaram nos preferidos da galera que curte bijoux bem humoradas.

Para as mais românticas existem colares de carruagem em acrílico espelhado em dourado, pingentes com espelhinho meio Wonderland and Alice e outras coisinhas mais.

Que as jóias existem desde a Antiguidade todo mundo sabe ou arrisca dizer que sim : – desde de muito tempo atrás os indivíduos adornam seu corpo . Ok ! corretíssimo!

O adorno corporal está inscrito na história social da cultural e por isso mesmo afz parte da história do corpo e dos sentidos. Assim sendo , jóia pode ser algo bem além dos colares brincos e braceletes …

Pois no séculos XVI ( segunda metade) e  XVII as luvas de “punhos abertos” eram consideradas peças especiais e possuiam o valor de uma jóia no momento em que passam a ser adornadas por fios de ouro, pérolas  e até pequenas pedras preciosas. Vistas a príncípio na Espanha as luvas entram no circuito das grandes cortes perdendo o aspecto funcional e recebendo revestimentos frágeis porém luxuosos. Forma e função mais uma vez afrouxam seu elo em favor da aparência e do significado simbólico que a mesma deveria transmitir na época. Luvas adornadas eram sinal de prestígio, de beleza e status.

P.S. As luvas acima são da exposição British Galleries – V&A