Inspirado na cestaria – arte e trama que pertence as culturas ligadas e Era do Costume e portantanto a tradição – Eduardo Pombal fez mais uma vez um trabalho honesto , limpo ( apesar dos padrões geométricos e das assimetrias na modelagem) e acima de tudo profissional. Apesar de achar outros desfiles mais impactantes e gostar mais dos invernos dele do que dos verões – Eduardo é mega sério ! Sabe tudo , domina os tecidos , as modelagens e manda bem naquilo que exibe como produto. Os modelos trazem o conceito da coleção – idéias importantes como a geometrização , a  silhueta reta e a cartela de cores.

Anúncios