São poucas as mulheres a ter concretizado o sonho de se tornarem princesas… Muito embora se insista em dizer que isto é coisa do passado que os contos de fada nem de longe fazem parte dos anseios da alma feminina nos dias atuais  – em tempos de casamento Real o burburinho em torno dos queridinhos da Inglaterra Kate & Willian trazem a tona o desejo de todas em viver um diazinho de Cinderella.

E tornar-se  Princesa vindo de outro lugar senão a própria realeza é tarefa árdua . Protocolos bem ensaiados, sorrisos metrificados e gestos calculados fazem parte da liturgia de quem pertence ao mundo dos homens privados mas começa a encarar o que sobrou do espaço dos homens públicos. A monarquia mesmo em tempos de clonagem e comunicação ultra mega avançada, tablets e incursões intergalácticas ainda representa o vínculo de nossa sociedade e história com o Antigo Regime.

A escolha do modelo mais que discreto e que ressalta a sua comentada elegância – na verdade a noiva agora esposa do futuro Rei da Inglaterra opta por versões seguras daquilo que a moda oferece , exibe grifes com parcimônia e não exagera na dose fashionista ou criativa – fez com que Alexander McQueen designer e gênio inglês fosse homenageado e assim as lentes do mundo se mantivessem ligadas na Inglaterra , é claro, de onde não deveriam sair neste dia de glória. McQueen um dos últimos gênios da moda morreu recentemente e deixou uma assinatura de sucesso a qual tem atualmente na direção criativa a designer Sarah Burton.

E falando de dias de Cinderella … a Princesa mais linda de todos os tempos … atriz, dona de uma beleza clássica incontestável tornou-se Princesa de Mônaco. Sua elegância discreta em tempos de New Look também marcou época  e seu vestido parece ter sido uma inspiração para quem agora calça os novos sapatinhos de cristal!

Anúncios